Devocional

Dia 7: Filho de Rebeca

Do capítulo 25 ao capítulo 33 do livro de Genesis lemos a história de Esaú e de Jacó, filhos de Isaque e Rebeca.

E o Senhor lhe disse: Duas nações há no teu ventre, e dois povos se dividirão das tuas entranhas, e um povo será mais forte do que o outro povo, e o maior servirá ao menor. Gênesis 25:23

Os dois irmãos cresceram cada qual com suas preferencias e sendo um preferido pelo pai e outro pela mãe. Rebeca sabendo que Isaque estava prestes a abençoar Esaú com a benção da primogenitura, favoreceu Jacó fazendo com que ele a recebesse. Esaú chorou amargamente, ódio brotou do seu coração e prometeu se vingar do irmão.

 

Para aquelas que tem mais de um filho (e isso também serve para as tias, madrinhas, vovós e todo tipo de adoção) sabem bem que é muito comum um irmão se queixar do outro, dizer que gostamos mais de um do que do outro. As competições surgem a partir das comparações. Nós dizemos: Amo vocês do mesmo jeito! Nenhum é mais importante que o outro! Mas mesmo assim eles reclamam.

 

Depois de viverem muitos anos distantes um do outro chegou o dia do reencontro. Jacó ia temeroso pois não sabia como o irmão reagiria, porém, algo aconteceu no caminho:

Disse este: Deixa-me ir, pois já rompeu o dia. Respondeu Jacó: Não te deixarei ir se me não abençoares.

Gênesis 32:26

Um encontro com Deus! Jacó pisou na terra de seu pai sendo outra pessoa.

 

Vamos orar pela identidade de nossos filhos de forma que não recorram a comparações, competições ou mesmo desejem ser outras pessoas.

Oremos para que tenham um Encontro com Deus e neste toque recebam sua verdadeira identidade.

Então, disse: Já não te chamarás Jacó, e sim Israel, pois como príncipe lutaste com Deus e com os homens e prevaleceste. Gênesis 32:28

 Pra Simone Martins.

Por questão de segurança, em breve seus comentários serão avaliados e liberados por nossos voluntários de comunicação.
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *